Notícias
RENORBIO 2017 – Encontro de Biotecnologia do Nordeste

Atualmente a biotecnologia é considerada área estratégica no mundo, e abrange um mercado que movimenta bilhões de dólares anualmente. A biotecnologia tem crescido e se desenvolvido no Brasil, principalmente na última década. Esse desenvolvimento se dá pela criação de políticas que privilegiam as empresas que atuam em áreas como saúde, agropecuária, produção de insumos e meio ambiente.

A primeira medida formal para integrar a Região Nordeste pela Biotecnologia ocorreu em agosto de 2003, ao ser firmado o Protocolo de Cooperação entre os Secretários de Ciência e Tecnologia dos Estados do Nordeste dando o total apoio à Rede Nordeste de Biotecnologia - RENORBIO. Na sequência, em 2004, foi criada a Rede Nordeste de Biotecnologia - RENORBIO, através da Portaria MCT nº 598, de 26/11/2004, publicada no Diário Oficial da União em 30/11/2004, Seção I, pág. 16, definindo sua estrutura e mecanismo de operacionalização no âmbito do MCTI.

A consolidação da integração de pesquisadores com vocação para área biotecnológica no NE se deu em 2006 com a criação do curso de doutorado em Biotecnologia, também denominado RENORBIO, doutorado em rede que tem nota 5 na avaliação da CAPES. Atualmente participam do RENORBIO 36 instituições (universidades públicas e privadas e institutos de pesquisa) dos diferentes estados do NE e do Espírito Santo, sendo que dez destas atuam como pontos focais. Ao todo fazem parte do RENORBIO 257 orientadores e 750 alunos matriculados, o que faz dessa rede um dos maiores programas de pós-graduação do Brasil, agregando quase toda massa crítica em Biotecnologia da região. Dentre as atividades da rede, tem sido realizado anualmente um workshop, cujos objetivos são estimular a integração dos pesquisadores e estudantes e avaliar os avanços alcançados pela rede. Frente a maturidade, abrangência das linhas de pesquisa, qualidade do corpo docente e consolidação da rede, em 2017, foi lançado um novo desafio, que é a transformação do workshop anual em um encontro aberto a todos os pesquisadores, estudantes e profissionais com interesse na área de biotecnologia do Brasil, assim nasceu o RENORBIO 2017 – Encontro de Biotecnologia do Nordeste.

Neste evento, serão discutidos avanços alcançados em temas estratégicos, relativos a biotecnologia em saúde, agropecuária, recursos naturais, empreendedorismo e indústria. Espera-se promover um fórum de discussão científica, agregando instituições e pesquisadores da região NE e de outras regiões do Brasil, e criar um ambiente para interação entre os setores produtivos e a academia, visando a busca de soluções para problemas de mercado. Desta forma, espera-se estimular cada vez mais a formação de cientistas com uma base sólida e fundamentada nos conceitos e metodologias da Biotecnologia em nosso país.
Dentre as atividades previstas estão: BIOMAKER BATTLE (uma competição científica em empreendedorismo e startups promovido pela Biominas), minicursos, conferências, simpósios, apresentação de trabalhos científicos e patentes em biotecnologia (feira de negócios) na forma de pôster. O RENORBIO 2017 será realizado no período de 8 a 11 de agosto no Praiamar Natal Hotel & Convention, na cidade de Natal, uma das mais belas do Nordeste.

Mais informações no site: http://www.renorbio.org/.


Arquivo em anexo: renorbio.jpg

(06/04/2017)